Ataque à facada na Prefeitura de Paris. Investigação privilegia pista terrorista

Ataque que fez quatro mortos mais o atacante na sede da polícia em Paris: Investigação privilegia pista terrorista

Attaque de Paris: l’enquête privilégie la piste terroriste

 

As investigações sobre o ataque de há dois dias foram entregues à brigada antiterrorista.

Segundo diversas fontes, diversos elementos apontam para a premeditação do ataque do funcionário civil da Prefeitura.

Em Gonesse, na localidade da região parisiense onde residia  Mickaël Harpon, o homem que matou à facada quatro colegas (três deles polícias) dentro da Prefeitura, diz-se que ele se tinha convertido ao islamismo desde há alguns anos, de acordo com informações do jornal Le Figaro.

Já o Le Parisien diz que existem numerosos indícios da sua radicalização e confirma que a Justiça se lançou numa investigação por « ato terrorista ». « Foi a análise do telefone do assassino » que levou a esta decisão, acrescenta o jornal.

 

 

td-main-content-wrap
Article précédentLegislativas. Seguranças tiveram de afastar Costa de um homem que o acusava de estar de férias nos fogos
Article suivantRádio Alfa faz 32 anos. A aventura continua.