Celebridades são bem-vindas mas Portugal quer os emigrantes de volta

Publié le 30 juillet 2019

Celebridades são bem-vindas mas Portugal quer os emigrantes de volta, realça a Bloomberg.

Um artigo de O Jornal Económico, por Inês Pinto Miguel  (https://jornaleconomico.sapo.pt)

Jorge Bravo, professor de economia na Universidade Nova, garante que “em termos salariais, não somos muito competitivos. Se houvesse um campeonato para os países mais procurados por emigrantes, Portugal não estaria na Liga dos Campeões”.

Madonna, Michael Fassbender, Christian Louboutin, Eric Cantona, Garrett McNamara, Monica Belluci são apenas algumas celebridades que se apaixonaram por Portugal, decidiram comprar casa e ficar. Aga Khan IV recebeu nacionalidade portuguesa ainda este ano.

No entanto, a Bloomberg avança que apesar de a presença dos famosos ser bem-vinda, Portugal quer atrair os seus emigrantes de volta.”Portugal quer emigrante para reforçar a sua economia enquanto a sua população fica envelhecida”, afirma a própria Bloomberg.

Apesar do país estar a atrair ricos e celebridades, o Governo está a tentar atrair os cidadãos que saíram e convencê-los a ficar, para que possam ocupar os espaços em branco no mercado de trabalho.”Não é sobre uma migração qualquer. Trata-se de atrair emigrantes qualificados para as necessidades da economia portuguesa”, afirma Jorge Bravo, professor de economia da Universidade Nova.

O professor acrescenta ainda que “em termos salariais, não somos muito competitivos. Se houvesse um campeonato para os países mais procurados por emigrante, Portugal não estaria na Liga dos Campeões”.

Um dos objetivos do Governo de António Costa é trazer os emigrantes de volta. “Os braços do país estão abertos para os portugueses que queiram regressar”, revelou o secretário de Estado das Comunidades Portuguesas, José Luís Carneiro, sendo que o Estado oferece 6.536 euros para quem quiser voltar ao país de origem. Uma das apostas é ainda o pagamento de 20% dos impostos durante uma década e a isenção completa dos impostos aos reformados.

Os responsáveis dos maiores hotéis em Portugal admitiram à Bloomberg que há falta de profissionais na área da hotelaria. No entanto, o turismo representa perto de 14% do PIB e conseguiu impulsionar a economia nacional. Assim, o desempregou conseguiu apresentar melhorias, situando-se em 6,6% em maio, abaixo da média da zona euro, que se fixou em 7,5%.

Apesar do número de turistas em Portugal ter aumentado em 14%, o maior desde 1976, isso não foi suficiente para compensar a redução populacional que se tem vindo a sentir desde 2010. Atualmente, a idade média em Portugal está situada em 45,2 anos, sendo que aumentou mais de quatro anos desde 2008.


Rádio Alfa FM 98.6 Paris (On Air)

La radio de la lusophonie et des échanges interculturels de toute l'île de France

Piste actuelle
TITRE
ARTISTE

Background