Conferência/Paris SG. A resposta e as gargalhadas de Galtier partilhadas com Kylian Mbappé não caíram bem em França

A ministra do Desporto francesa, Amélie Oudéa-Castéra, contactou a direção do Paris Saint-Germain a propósito da recente questão em torno da poupança de recursos e das viagens de avião, mesmo em percursos pequenos.

De acordo com o site RMC Sport, a abordagem foi estabelecida depois da frase irónica do treinador Christophe Galtier sobre os meios em que a equipa se desloca. O presidente da rede TGV desafiou o clube a usar mais o comboio, mas Galtier optou pela ironia, dizendo que o clube estudava deslocações em ´Char à voile´

Veja o momento:

 

O governo não gostou e recordou que o comboio é uma opção válida, como fazem por exemplo o Bétis em Espanha, o Liverpool em Inglaterra ou a Juventus em Itália.

O ministro da Economia, Bruno Le Maire, deixou críticas: «Adoro Mbappé, pode acontecer a qualquer um começar a rir no momento errado. E penso que este foi o momento errado para rir. Devemos levar as questões climáticas a sério».

Também a presidente da câmara de Paris, Anne Hidalgo, deixou um recado: «Não, não se pode responder assim. Vamos acordar rapazes?»

 

 

 

Com RMC Sport, Loopsider, abola.

td-main-content-wrap
Article précédentTri-campeão mundial júnior de natação regressou a Portugal
Article suivantSom/Exclusivo. “Os diálogos com Bercy são uma estratégia do governo para culpar a oposição de não colaborar” – Christine Pirès-Beaune