Covid-19/França. Vacinação completa reconhecida uma semana depois da 2ª dose

Em 24 horas, 1,7 milhões de franceses marcaram primeira dose da vacina

É um número recorde. 1,7 milhões de franceses marcaram a primeira dose da vacina, o que é visto como uma reação ao anúncio da utilização do « passe sanitário » (certificado covid) nas idas aos restaurantes e da vacinação obrigatória para os profissionais de saúde.

A plataforma de registo de marcações para a vacinação ficou completamente inundada na segunda-feira à noite, ainda durante os anúncios de Emmanuel Macron, e nas 24 horas seguintes, já 1,7 milhões de pessoas tinham marcado a primeira dose da vacina, pensando também nas viagens e nas férias de verão.

O uso do certificado sanitário será exigido, a partir de 21 de julho, para ir ao cinema, ao teatro ou a espetáculos com mais de 50 pessoas e, a partir de inícios de agosto, para ir a um bar ou a um restaurante, para viagens de longa distância em transportes públicos ou para entrar num centro comercial.

A partir de agora, a vacinação completa vai ser reconhecida em França uma semana após a segunda dose, em vez de duas, anunciou também o ministro da Saúde, Olivier Véran. Em Portugal ainda são exigidas duas semanas.

td-main-content-wrap
Article précédentRui Patrício assina pelos italianos da Roma
Article suivantCovid-19/Portugal. Mais 9 mortes e 4.153 novos casos, o valor diário mais alto desde fevereiro