Críticas e mais críticas ao VAR, à arbitragem, em dois dias de ‘Final Four’ da Taça da Liga

Videoarbitro

Continuam as críticas à actuação do videoárbitro em Portugal. Abel Ferreira mostrou-se pouco agradado com os polémicos lances ajuizados pelo videoárbitro no jogo entre SC Braga e Sporting, que acabou com a vitória dos leões na lotaria das grandes penalidades e consequente apuramento para a final da Taça da Liga.

 

 

Na zona mista do Municipal de Braga, António Salvador, presidente do SC Braga, deu seguimento às fortes críticas de Abel Ferreira à equipa de arbitragem do encontro entre SC Braga e Sporting.

 

 

Depois das críticas ao árbitro, as críticas à Sport TV.

 

 

Por fim, o presidente do Sporting, Frederico Varandas, comentou a passagem da sua equipa à final da Taça da Liga, depois de ter vencido o SC Braga nas grandes penalidades, tocando num tema que voltou a ser questionado no jogo desta quarta-feira: o VAR.

«Quero dar os parabéns ao nosso treinador que ganhou o jogo com grande profissionalismo. Vou falar sobre o jogo e sobre o momento que se vive. Eu, enquanto presidente, perdi e perdi bem em Tondela, perdi contra o Portimonense e perdi bem porque fui inferior. O Sporting empatou com o Porto e empatou bem, e é certo de que existiram erros nestes jogos», começou por referir.

O presidente dos leões referiu ainda que, na sua opinião, «existem três maneiras de olhar para as derrotas das equipas».

«Lidar com a derrota e perceber porque se perdeu, a versão histérica, e a versão cobarde. Neste momento é preciso ver que o VAR está muito melhor do que era ao início. Temos uma arbitragem mais livre. O que mais me preocupa é ouvir um presidente [ndr. Luís Filipe Vieira] a criticar um árbitro ontem, e hoje ver que esse mesmo árbitro pediu licença por tempo indeterminado. Não podemos tolerar isto volte a acontecer», sublinhou.

«Eu percebo que o estado emocional leva as pessoas a dizerem disparates. Fico muito frustrado com as derrotas, mas gosto de olhar para dentro e ver onde errámos. O VAR é importantíssimo para o futebol português.

 

Alfa/abola/SportTV.

td-main-content-wrap
Article précédentEuropeias: ‘Coletes amarelos’ franceses apresentam lista às eleições de maio
Article suivantColetes amarelos. Governo quer lei para limitar direito de manifestação