Macron anuncia criação de comando militar do Espaço

PR francês anuncia criação de comando militar do Espaço. Emamanuel Macron discursava na véspera do desfile de 14 de julho, feriado nacional em França

Macron anuncia criação de comando militar do Espaço

Alfa/Lusa

O Presidente francês, Emmanuel Macron, anunciou no sábado a criação de um comando militar do Espaço, destacando a importância desta área para a segurança nacional do país.

Emamanuel Macron discursava na véspera do desfile de 14 de julho, feriado nacional em França.

« Para garantir o desenvolvimento e fortalecimento de nossas capacidades espaciais, um comando militar do Espaço será criado em setembro próximo » na Força Aérea, que « acabará por se tornar na Força Aérea e Espaço « , adiantou o Chefe de Estado francês.

Macron falava na sede do Ministério do Exército, durante a receção tradicional que reúne a comunidade militar, na véspera do desfile nos Campos Elíseos.

Apontando o Espaço como uma « verdadeira questão de segurança nacional », Emmanuel Macron tinha prometido, no ano passado, que iria dotar a França de « uma estratégia de defesa espacial ».

« Agora está pronto », disse Macron.

« O novo projeto e doutrina militar que me foi proposto vai garantir a nossa defesa no espaço » sublinhou, acrescentando: »Vamos reforçar a nossa compreensão da situação espacial, é melhor proteger os nossos satélites, de forma ativa », o presidente francês a propósito deste investimento militar.

Espionagem, ataques cibernéticos, armas anti satélite, o espaço tornou-se, segundo conselheiros militares, num campo de confronto entre nações, permitindo este projeto dotar a França com capacidade neste campo altamente estratégico e cada vez mais militarizado, a par das grandes potências militares.

A Lei de Planeamento Militar de França (LPM) prevê um orçamento de 3,6 biliões de euros para o espaço de defesa, o que deve, em particular, permitir financiar a renovação dos satélites franceses de observação e comunicação das OSC (Siracusa), lançar três satélites de escuta eletromagnética (CERES) em órbita e modernizar o radar de vigilância espacial.

Nos Estados Unidos, o Pentágono anunciou a intenção de estabelecer uma Força Espacial desejada pelo presidente Donald Trump, sujeita à aprovação do Congresso.

Esta força espacial será idêntica a outros corpos militares dos EUA, permanecendo no seio da Força Aérea, e reunirá todos os militares e civis que trabalham no setor espacial no Pentágono (satélites, foguetões, armas, tecnologias). A monitorização do Espaço será uma de suas prioridades.

td-main-content-wrap
Article précédentPR Marcelo em Paris. « É bom haver núcleo duro » de defesa na Europa
Article suivantParis/14 de julho. Programa minuto a minuto da Parada militar a que assistirá o PR Marcelo