Violências Conjugais/Portugal: 10 « femicídios íntimos » e 10 assassínios de mulheres noutros contextos em 7 meses

Vinte mulheres foram assassinadas em Portugal desde o início do ano, registando-se ainda 29 tentativas de femicídio nas relações de intimidade, anunciou  o Observatório das Mulheres Assassinadas (OMA).

Os dados preliminares do OMA, grupo de trabalho da União de Mulheres Alternativa e Resposta (UMAR), apontam para 10 “femicídios íntimos” – no quadro de « violências conjugais », associados a relações de intimidade atuais, passadas ou pretendidas –  e 10 assassínios em outros contextos, por motivos financeiros, na sequência de assalto ou outros.

td-main-content-wrap
Article précédentViolências conjugais/França. 146 mulheres mortas pelos cônjuges em 2019. Quase uma assassinada todos os 2 dias
Article suivantLiga Europa: Inter de Milão na final. Liga dos Campeões: PSG joga hoje a sonhar com a final