Auxerre vence Saint-Étienne e regressa à Liga francesa uma década depois, num jogo que acabou num ‘caos’ total

O Auxerre regressou hoje à Liga francesa de futebol uma década depois, face ao triunfo em Saint-Étienne, no desempate por penáltis (5-4), na segunda mão do ‘play-off’ que atribuiu a última vaga da Ligue 1.

Os locais chegavam ao derradeiro encontro em vantagem, devido à regra dos tentos fora, após o empate a um golo conseguido na primeira mão, a meio da semana, o mesmo resultado que se veio a verificar hoje no final do tempo regulamentar e do prolongamento.

No Estádio Geoffroy-Guichard, depois de uma primeira parte sem golos, o tento inaugural da partida saiu dos ‘pés’ do médio marroquino Hamza Sakhi, à passagem do minuto 51, deixando o conjunto que terminou a II Liga gaulesa no terceiro lugar bem encaminhado.

Contudo, Mahdi Camara, aos 76, viria a restabelecer a igualdade e, consequentemente, a forçar um prolongamento que não teve golos, ficando tudo para decidir da marca de grande penalidade, na qual o Auxerre se apresentou mais competente.

O Auxerre, que constou pela última vez entre os ‘grandes’ de França na época 2011/12, disputará, assim, a edição 2022/23 da Ligue 1, seguindo o caminho do Toulouse, campeão do segundo escalão, e do Ajaccio, segundo colocado, que já tinham assegurado a promoção de forma direta.

 

Depois do encontro viveram-se cenas muito feias no final. Furiosos com a queda da equipa para a Ligue 2, centenas de adeptos do Saint-Étienne invadiram o relvado e tentaram atingir os próprios jogadores com centenas de artefactos pirotécnicos, obrigando a que estes recolhessem aos balneários.

 

 

Com Agência Lusa.

td-main-content-wrap
Article précédentDesportivo de Chaves consegue 18ª e última vaga na I Liga 2022/23
Article suivantCosta diz que Portugal é « destino certo » na atual conjuntura internacional