Plano da Renault para despedir 15 mil trabalhadores não deverá ter impacto em Portugal

Publié le 29 mai 2020

Plano da Renault para despedir 15 mil trabalhadores não deverá ter impacto em Portugal – Expresso

OLIVIER MARTIN GAMBIER OMG.OMG@W

Na fábrica portuguesa de Cacia, em Aveiro, está agora em curso um investimento de 100 milhões de euros. Nesta unidade da Renault em Portugal trabalham 1100 pessoas

Espresso. Por Vítor Andrade

O grupo Renault apresenta esta sexta-feira o seu projeto de plano estratégico, que tem como objetivo obter uma economia superior a 2 mil milhões de euros, em três anos, o que passa pelo despedimento de quase 15 mil trabalhadores – cerca de 4.600 em França e outros 10 000 no resto do mundo.

A fábrica da Renault em Cacia, perto de Aveiro, deverá ficar fora desta vaga de despedimentos, segundo disse ao Expresso uma fonte da empresa onde trabalham mais de 1100 pessoas e onde está atualmente em curso um investimento de 100 milhões de euros.

A importância estratégica da fábrica de Cacia é tal que, hoje, “não há nenhum veículo da Renault em circulação no mundo inteiro que não tenha pelo menos uma componente fabricada em Portugal”, sublinha ainda a mesma fonte. Em Cacia a Renault produz sobretudo caixas de velocidades convencionais e, no futuro, não está posta de parte a hipótese de ali se virem a produzir caixas para carros elétricos e autónomos.

A nível global o grupo Renault, para além das dificuldades financeiras que se agravaram em 2019, enfrenta ainda a crise excecional que agora atravessa toda a indústria automóvel, assim como a urgência ligada à transição ecológica, que são os imperativos que levam a empresa a acelerar a sua transformação.

Quanto ao plano estratégico hoje apresentado, dele consta a melhoria da eficácia e redução dos custos de engenharia, beneficiando das competências da Aliança (Renault, Nissan e Mitsubishi), em cerca de 800 milhões de euros; otimização do aparelho industrial com uma economia de cerca de 650 milhões; maior eficiência das funções de suporte para uma redução de cerca de 700 milhões e ainda um recentrar das atividades para otimizar a alocação de recursos.

Estas propostas serão agora apresentadas às instâncias representativas dos trabalhadores.

Marqué comme

Rádio Alfa FM 98.6 Paris (On Air)

La radio de la lusophonie et des échanges interculturels de toute l'île de France

Piste actuelle
TITRE
ARTISTE

Background